Ação conjunta entre Prefeitura e Polícia Militar de Cataguases encerra o Agosto Lilás na cidade

Na manhã de hoje, dia 31, a Prefeitura, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social, e a Polícia Militar de Cataguases realizaram uma Blitz Educativa em frente à Estação Ferroviária. Dentro da ação, profissionais da Casa de Maria e policiais militares abordaram condutores que trafegavam sentido centro para orientar sobre o a violência contra a mulher, com a entrega de material informativo sobre o assunto. A Blitz Educativa marcou o fim do Agosto Lilás na Prefeitura, que realizou várias ações de conscientização sobre o assunto.

A secretária de Desenvolvimento Social, Carol Damasceno, fez um balanço positivo das ações de conscientização realizadas. “O Agosto Lilás foi muito produtivo dentro da Prefeitura. Nós realizamos ações em todos os territórios de atuação da Secretaria de Desenvolvimento Social e foi muito positivo, pois tivemos a participação de muitas mulheres, inclusive na busca pelos programas oferecidos pela pasta que têm como objetivo apoiar as vítimas de agressão e combater as vítimas de violência doméstica”, analisou.

O subtenente Rocha, da Polícia Militar de Cataguases, explicou que a intenção da corporação é se antecipar aos casos. “A Polícia Militar atua em todo o Brasil com a prevenção em relação à violência contra a mulher e aqui no município a nossa equipe também está realizando esse trabalho em conjunto com a Prefeitura. Nesse trabalho da Blitz Educativa nós atuamos na prevenção, tentando conscientizar a sociedade sobre o problema da violência contra a mulher e buscando eliminar os casos antes que eles aconteçam, não agindo apenas quando a ocorrência aparece”, disse.

O Agosto Lilás está previsto tem o objetivo de reforçar o enfrentamento à violência doméstica e familiar contra a mulher e é instituído por meio da Lei Estadual nº 4.969/2016, que busca intensificar a divulgação da Lei Maria da Penha, sensibilizar e conscientizar a sociedade sobre o necessário fim da violência contra a mulher. A proposta também é informar sobre os serviços especializados da rede de atendimento à mulher em situação de violência e os mecanismos de denúncia existentes.

CANAIS DE DENÚNCIA

Em Cataguases, a Casa de Maria oferece apoio às mulheres vítimas de violência doméstica e oferece todo o suporte em relação às assistências social e psicológica. A equipe técnica está disponível para oferecer orientações ao público e também o primeiro atendimento, quando necessário. O espaço funciona de segunda à sexta-feira, entre 8h e 17h, na rua Wanda da Silva Andrade, 151 – bairro Bela Vista. O telefone de contato é (32)3421-5657.

Além do atendimento oferecido pela Prefeitura, por meio da Casa de Maria, as mulheres vítimas de violência doméstica ou aqueles que queiram denunciar podem fazer o contato pelos telefones 190, da Polícia Militar; 180, canal nacional para caos de violência contra a mulher; e o 100, canal nacional para situações de violação de direitos humanos.