Secretária de Desenvolvimento Social faz balanço da sua gestão

Após seis meses de gestão da Secretaria de Desenvolvimento Social, Carol Damasceno fez um balanço da sua atividade no comando da pasta e avaliou o que já concluiu e definiu algumas metas que pretende atingir. Iniciada em janeiro, sua gestão atualmente trabalha na construção do Centro de Referência em Assistência Social (CREAS), que vai funcionar na Avenida Astolfo Dutra, no bairro Leonardo. Visando oferecer maior comodidade e qualidade no atendimento, foi iniciada a reforma do CRAS Sereno e concluída a mudança de endereço do CRAS Justino.

Dentro do Programa Bolsa Família, a Secretaria implantou neste ano o sistema de busca ativa de famílias com perfil para pleitear o auxílio, o que também serviu para aumentar a sistematização de atualização cadastral. Em relação às condicionalidades de saúde, um dos critérios para a permanência dos beneficiados no programa, a Secretaria de Desenvolvimento Social elevou o índice em mais de 70% em relação à avaliação feita no mesmo período do último ano. Entre março e junho deste ano, o índice atingido neste ano foi de 92%, superior à média nacional, que foi de 75%.

Satisfeita com o resultado, a secretária de Desenvolvimento Social, disse que pretende elevar esse índice. “Nós ficamos muito felizes com o resultado e eu agradeço a toda equipe envolvida. A nossa meta é atingir 100% nas condicionalidades de saúde e superar o índice de acompanhamento das condicionalidades de Educação. Para isso estamos adotando algumas estratégias, como a orientação das famílias para que mantenham os cadastros dos seus componentes atualizados”, disse.

Uma das preocupações da secretária Carol Damasceno desde o início do seu trabalho foi a oferta dos serviços de Proteção Social Básica nas áreas sem cobertura. Para isso, foi criado o Projeto de Atendimento Itinerante, que iniciou suas atividades no bairro Ibrahim e nos distritos de Cataguarino, Aracati e Vista Alegre. Para fortalecer a busca ativa do público alvo, foi feita a aquisição de dois veículos Renaut Kwid, que contribuíram com a pasta oferecendo maior agilidade e comodidade nos serviços prestados à população.

A secretária também ressaltou os esforços para atender a população de Cataguases diante das consequências da pandemia do Novo Coronavírus. “Nós organizamos a oferta e fizemos o levantamento para a concessão de benefícios eventuais, que é uma modalidade de provisão de caráter suplementar e temporário para as famílias que não possuem condições de arcar por conta própria com o enfrentamento de contingências sociais. Também fizemos a maior licitação de cestas básicas da história da nossa cidade quando foram licitados R$311.783,77 em kit alimento e atendemos aproximadamente 4.162 famílias entre janeiro e maio deste ano”, afirmou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *